Harry Potter e a criança amaldiçoada


Devo ter ficado verdadeiramente mais feliz que muitas pitas loucas de 15 anos quando me passou a informação que isto ia acontecer, tão feliz que nem dei conta que seria uma peça de teatro, nem quis saber, nem estava interessada e pronto, é isto, se envolve o Potter-of-my-heart não preciso de mais nada, está tudo bem. Sim, eu sou a pessoa na casa dos trinta que na altura do carnaval reclama que as fatiotas são só para as crianças, que disse ao homem cá de casa que se ele me levar ao parque temático do Harry me casava com ele no dia a seguir e cumpria, eu sou essa pessoa e a que se deparou com este tipo de livro, sem dar conta e que ficou a olhar por uns 30 segundos para as duas palavras "parte um e dois" e pensou "mas quê? tipo como as peças de...yap, teatro".
Bom, ainda assim o livro é giro e até me ficar mal não ter este na colecção, a leitura é fácil principalmente para quem conhece o mundo que se retrata. Se  ia ler se soubesse o género?
Só mesmo sendo do Potter.
Se vale a pena a leitura?
Acrescenta alguma coisa de engraçado à história mas vive-se bem sem isto.
Se ia ver a peça?
Ui, era na primeira fila, se possível.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Carpida á vontade que logo eu vejo