A minha mau feitio fez um ano e nós fomos à escola

A minha mau-feitio-sai-mesmo-à-mãezinha-dela fez um ano.
Eu, a tal mãezinha com um Q de perfeccionista dedicada começou a planear a coisa um mês antes (e não chegou).
Já lá vai um tempo e confesso que apesar de vos querer mostrar tudo à muito não tenho tido tempo para nada e quando tive estava tão cansada que não me apeteceu, sorry.
Mas como vocês são um bando de curiosos cá vai e volta e meio lá vêm um de vocês bater na tecla, cá vai.

Ela fez um ano a uma sexta e nós metemos um dia de férias para aproveitar o dia com ela, nem podia ser de outra forma não é?!
O pai fez-lhe o primeiro bolo de aniversário, na verdade foram dois, esqueci de lhe mencionar que TINHA de ser numa forma sem buraco, toda a gente sabe que um bolo de aniversário que se preze não tem buraco a meio, toda a gente menos o pai da minha filha e que depois de eu lhe rosnar, literalmente, lá fez o segundo e oficial bolo, o resto eu comi de ansiedade e se alguém vos perguntar NUNCA existiu. O bolo foi simples de iogurte, com azeite em vez de óleo, a mãe decorou e lá fomos nós e Podrinho à escola cantar os primeiros parabéns da princesa no reino.
Foi giro, fofo.


Não se deixem enganar pelo ar de hipopotama do norte, foi só ar de aborrecida para a foto.


Quem me viu avenida fora com 20 balões e um 1 gigante naquele dia de vento ainda se deve estar a cagar a rir, e os que me viram a tentar colocar tudo no meu enorme polo, esses então já devem ter morrido de tanto rir.
Mas valeu pelo ar de espanto dos pequenos quando nos viram a entrar sala a dentro com as coisas não identificadas, cheias de mini papeis que possivelmente alguns pais de colegas da cria tiveram de andar a aspirar depois do balão rebentar, mini papeis de cortámos super pequenos e que se enfiam em todos os cantos. Um balão para cada colega e agarrado a ele uma saquinha com umas daquelas bolachas para crias 6+ e obvio, o nome da sacana.


Tenho a esperança que um dia ela ao ver as fotos tenha a noção que nos deu um trabalho dos diabos mas que o fizémos com amor, como irémos fazer sempre mesmo quando ela não quiser.

Gostaram oh curiosos?
Agora comecem lá o massacre do nós-queriamos-era-a-festa!!

2 comentários:

  1. Muitos parabéns à mais pequena! :)

    ResponderEliminar
  2. ficou tudo lindo e tenho a certeza que ela vai adorar ler isto....
    há mães que nunca pensaram que iam ser tão mães.. ahahah

    ResponderEliminar

Carpida á vontade que logo eu vejo