Vocês desculpem lá isto do silêncio

mas eu tenho andado ás aranhas entre o trabalho (vá na volta deveria dizer trabalhos visto que tudo me assiste não é?), a casa, os bichos e o sei lá mais eu o quê que me ocupa todas as horas do dia que cada vez são mais longos e passam a correr de tal maneira que cada vez dormo menos horas e estranhamente, para uma pessoa que sempre gostou de dormir que nem lémure a apanhar sol, isso parece afectar-me cada vez menos (isso ou começo a chegar á fase do já-cheguei-á-conclusão-que-as-horas-do-dia-não-chegam-mas-está-tudo-bem-dormo-menos). Tenho tanto para vos contar, tantas coisas para xingar e tantas tontices para partilhar, ando a juntar rascunhos que nem louca na esperança de assim não me esquecer de nada e um dia destes pôr tudo em dia, mesmo que já tenha passado a graça e já ninguém fale do assunto. Ainda nem as fotos das férias consegui escolher, sou uma tristeza de blogger eu sei, sorry lá tá.
Bem o que interessa mesmo é, eu estou viva, continuo a stressar no trabalho, os quadrúpedes continuam vivos e parvos como sempre, o Amodes têm sobrevivido á minha ausência como o meu herói dos contos de fadas e sim continuo a passar vergonhas animadas. Agora vou dormir que amanhã é outro dia!


Sem comentários:

Enviar um comentário

Carpida á vontade que logo eu vejo