E portanto,

já não tenho idade para dormir no sofá. E como é que eu sei isso?
Pois bem, simples, eu dormi no sofá, a noite toda e sem me queixar mas eis que perto das 10h começa a sentir algo estranho lá no fundo das costas que me vai acordando ao de leve do meu profundo sono de beleza. Ás 10h30 descubro que a coisa é uma valente dor  de costas, seguida de uma boa dor de cabeça acompanhada de uns trinta atchins resultado de ter deixado a janela aberta a noite toda.




Bom dia para vocês também!



Sem comentários:

Enviar um comentário

Carpida á vontade que logo eu vejo